Um passeio pela fantástica Normandia

Conheça a Normandia, você vai amar!

Março está chegando, e isso me faz lembrar de uma das melhores viagens que já fiz: Paris e Normandia no roteiro, do fim de março a início de abril. Vou dividir com vocês um pouco do que vi, do que comi, e amei. 😉

A viagem começou em Paris, para rever lugares que nunca canso de visitar e outros que não conhecia. Paris tem muitos encantos, não é difícil se apaixonar. Nesta viagem, ficamos hospedados na Île St. Louis, cercada de bistrôs, com a Catedral de Notre-Dame e o Sena a pouquíssimos passos.

Fizemos o roteiro básico de Paris, com exceção da Sacre-Coeur, que nesta viagem ficou de fora. Passeamos pela Torre Eiffel e Jardin du Luxembourg, vimos mais arte no Museu do Louvre e no Museu D’Orsay, caminhamos pela linda Champs-Élysées, onde comemos um crepe delicioso em uma barraquinha de rua, tomamos sopa de cebola em um pequeno restaurante, e jantamos no famoso Cafe de Flore, um bistrô dos tempos da Segunda Guerra Mundial, e que era frequentado por artistas e filósofos como Sartre e Simone de Beauvoir.

Como levamos nosso filho mais velho, pegamos um RER (trem entre cidades) e passamos um dos dias na Disneylandia (Disneyland Paris, antiga EuroDisney). É exatamente igual ao parque de Orlando e com as mesmas atrações! Ah, quem preferir ir às compras pode descer em uma estação antes da Disneylandia, porque tem um Outlet. 😉

Normandia

Depois de Paris, fomos para a Normandia. Que lugar lindo! E emocionante demais para quem gosta das histórias da Segunda Guerra. O lugar provoca uma reflexão, e é realmente de arrepiar, de chorar, de ficar maravilhado com o tanto de energia que existe ali.

Além de caminharmos pelas ruas lindas, cheias de lojinhas e souvenirs, visitamos as praias do Dia D, Omaha Beach, Gold Beach, Arromanches, o Normandy American Cemetery and Memorial (Cemitério Americano), o D Day Museum, o Museu Memorial d’Omaha Beach, e o Pointe Du Hoc, local onde se vê muitos resquícios do que o exército alemão organizou durante a guerra. Aliás, muitos bunkers construídos por eles ainda estão intactos. Hoje em dia, o Pointe Du Hoc é uma espécie de memorial americano, com fotos e placas sobre os soldados e combatentes que perderam a vida no campo de batalha.

Também visitamos as falésias de Etretat, à beira do Canal da Mancha. Um dos lugares mais lindos que já vi na vida! Caminhamos por dentro de uma gruta, subimos escada esculpida na pedra (não é muito fácil com criança) e chegamos ao outro lado da praia. Claro, a maré estava baixa, é preciso ficar atento a isso para não ficar “preso”. São paredões rochosos incríveis para você perder o fôlego diante de tanta beleza. Caminhe pela região, calce um tênis confortável, leve uma garrafa de água e ande pelos montes, vale a pena cada subida, acredite!

Arromanches
Arromanches. Acervo pessoal.
Etretat. Acervo pessoal
Etretat. Acervo pessoal
Gruta em Etretat. Acervo pessoal.
Gruta em Etretat. Acervo pessoal.

Na volta para o hotel, deixamos o instinto nos guiar e paramos em uma cidade chamada Domfront, e jantamos no restaurante familiar Auberg du Grand Gousier. Nossa… que comida maravilhosa e sobremesa divina. Sem dúvida alguma, um dos melhores restaurantes em que já comi! E como os donos são simpáticos! A dona fez de tudo para nos explicar o menu que estava somente em francês, e ainda brincou com meu filho, para que pudéssemos comer tranquilos por um tempo. Sensacional!

Auberg du Grand Gousier – Foto: TripAdvisor
Auberg du Grand Gousier – Foto: TripAdvisor

Hospedagem: Caen ou Ruen?

Ficamos hospedados em Caen, em um hotel maravilhoso, bem reservado e com ótimo preço, o Le Relays de Montigny, que também tem um café da manhã excelente! Entretanto, se você quer um lugar mais agitado, Rouen, a capital, é mais movimentada, com vida noturna, bares e restaurante cheios, e fácil de conhecer, pois tudo fica próximo ao centro histórico. E, em todas as lojinhas praticamente, você vai encontrar queijos e caramelos deliciosos!

Em Ruen está o monumento em homenagem à Joana D’Arc, exatamente onde ela foi queimada, e o Palácio Episcopal, onde é possível ver um pouco de sua trajetória. Tem também a linda Catedral Notre-Dame de Rouen, onde estão sepultados os duques da Normandia e o coração de Ricardo Coração de Leão, rei da Inglaterra. Além disso, você ainda encontra muita arte, pois o Museu de Belas Artes guarda obras de Caravaggio, Velásquez, Delacroix, Mondigliani, e Monet.

Mont Saint-Michel

No fim da viagem, visitamos o Mont Saint-Michel, que era um santuário em homenagem ao arcanjo São Miguel, foi transformado em prisão, abrigou os prisioneiros da Revolução Francesa, e depois foi restaurado como santuário. É considerado patrimônio mundial da Unesco, gerido pelo Estado, e hoje é um vilarejo medieval murado, onde se encontram vestígios da Guerra dos 100 anos, restaurantes e lojas de souvenirs, e onde acontecem celebrações diárias, organizadas pelos monges e as irmãs da Fraternidade Monástica de Jerusalém.

Mont Saint-Michel. Acervo pessoal
Mont Saint-Michel. Acervo pessoal

O que ele tem de especial? Bom, a vista é lindíssima, mas existe uma hora em que a maré sobe rapidamente e transforma o Mont Saint-Michel em uma ilha. Isso acontece nas marés altas, em períodos de luas cheia e nova. Se você quiser ver esse espetáculo, o site oficial informa os horários das marés diariamente.

Palácio de Versailles e Jardins de Monet

Antes de nos despedirmos da França, paramos nos jardins do Palácio de Versailles, e nos Jardins de Monet, em Giverny. O jardim do Palácio de Versailles é lindíssimo, e só olhar para aquela imensidão, e caminhar por ele já vale a ida até lá. Os jardins de Monet também são lindíssimos e, apesar de cheios, passam uma paz enorme! As flores e plantas são exatamente como nas pinturas que Monet fez, e na casa onde ele viveu você vê alguns móveis e pinturas do artista. Ah, para não ir até lá à toa, saiba que os jardins e a casa estão abertos todos os dias, de abril a outubro.

Jardins de Monet. Acervo pessoal
Jardins de Monet. Acervo pessoal

Essa foi a minha viagem, deliciosa, emocionante. Valeu cada dia!

Leave a Reply

Receba nossas novidades por email

Não enviamos spam